Viver com qualidade de vida

Tenho estado a ver aos bocadinhos, pois não tenho tido tempo para me sentar e ver um filme do principio ao fim, mas este filme “um pedacinho de Paraiso

” fala sobre uma rapariga que tem medo de se entregar ao amor, e tem um cancro bla bla bla… não vos vou contar o filme todo.

E dou por mim a pensar, se me acontecer ter uma doença mortal, se soubesse que ia morrer, se me tratava e tentava os impossíveis e vivia o resto da minha vida, agarrada a drogas e/ou a uma cama de hospital!!

E Digo, não, não o faria!

Preferia levar até ao ultimo minuto da minha vida sã, da melhor maneira!!!

Há doenças fatais que nos tiram a vida mesmo não morrendo!!!
Na minha maneira de ver a vida, enquanto formos sãos, com saúde e sem dar trabalho a ninguém, quero cá estar, a partir do momento em que seja um fardo para alguém, viver agarrada a uma cama, sem poder falar ou escrever, ou de alguma maneira de me comunicar com quem me rodeia, já não quero viver mais!!

Que me interessa viver até aos 100 anos, sem saúde estável, e não reconhecer o meu filho ou os meus futuros netos ( espero que seja para bem mais tarde a vinda deles, pois o meu filho ainda é muito novo )

Não, não quero viver na “podridão” da “não vida”!!!

Se calhar choco algumas pessoas, mas cada um tem a sua visão! E esta é a minha… se viver até aos 80 com saúde, já me dou por feliz, até porque depois disso, a qualidade de vida ou melhor o que os filhos nos deixam fazer, ou o que conseguimos fazer é muito pouco!!

Por isso já resolvi, até aos 80, meu querido Deus, com saúde, depois disso, posso ir para o pé de ti sossegadinha sem apanhar mais cócós de cão!!! Que vai ser a minha profissão até morrer, ter os meus cães sempre comigo!

Venha o que viver, filho, marido, amigos, família, eles (os meus cães)estarão sempre comigo!! Para o bem e para o mal, na saúde e na doença!!

Mas vejam o filme, dá nos muito que pensar, cada um com a sua ideia claro, mas vale a pena!!!

Beijinhos

Anúncios

primeiro dia de dieta

Escolhi, hoje, o dia da Mãe para começar a minha dieta!!! A um domingo??? Não tem lógica!!! E eu respondo tem sim!! “Ah melhor presente que podemos dar a nós próprias, ficar mais saudáveis para passarmos mais tempo com os nossos filhos”?vou

Por isso já me pesei, já me medi!

O meu primeiro pequeno almoço, foi…. Queijinho fresco!

Ainda não decidi o que vou comer a meio da manhã, visto que nesta primeira fase não podemos comer fruta!!!

Mas pronto!!

Let´s Go!!!!!

1º de ia de loucura!!!!!!

A solidão nos pensamentos

As vezes, revejo-me na solidão dos velhinhos.

Aquela solidão, em que já viveram muito e agora estão sozinhos.

Ou porque a família está longe, ou porque o melhor amigo já não está presente, ou simplesmente a vida já vai tão longa, que não resta ninguém para a acompanhar…

As vezes penso, como os velhinhos conseguem viver com a solidão?

Durante a vida toda construíram raízes, têm as suas casas, os seus quadros pendurados nas paredes, as fotografias emolduradas, têm tudo…

Mas no fim, mesmo no final, já não têm nada… porque já não resta ninguém para os acompanhar quando mais precisam… Os seus momentos.

Aqueles momentos, em que chamamos de recordações!

Aqueles momentos, que quando não tivermos mais ninguém, nos vão fazer companhia no pensamento, que nos vão fazer sorrir e dizer… “que bom foi tê-lo a meu lado. Quem bom…”

São nesses momentos em que penso, se terei também alguém… alguém de quem eu possa dizer… que bom foi tê-lo a meu lado…

images

O que o meu filho come!!

Conversa com o meu filho:

Eu: Filho, ficas-te com fome? ( comeu, amêijoas, salada para 3 pessoas, vitela com batatas fritas para 3 e ainda 4 pães)

65585_10201382247615172_436502070_n
Filho: Mãe comi bem, mas sabe o que sabia mesmo bem? pistácio, a mãe tem?
Eu: tenho. Mas filho ficaste com fome?
Filho: Hó Mãe, jantamos bem, mas não foi nenhum casamento de ciganos!
(ainda estou perdida de risos) HAHAHAHAHAHAHAHHA